31 de dezembro de 2017

Dezembro: CTRL+ALT+DEL?


Está a chegar o fim do ano! Altura para fazer um CTRL+ALT+DEL a nós próprios. Vejamos… Bloquear computador? Não vamos usar essa opção para finalizar o ano! Vamos mudar essa tecla para “desbloquear computador”. Sim, isso sim: desbloquear, fluir. É o ideal para encerrar capítulos e para nos sentirmos bem connosco: fluir. Não deixar nada bloqueado, seja a comunicação, a energia ou o movimento.
E a seguir? Terminar sessão. Sim, por vezes é doloroso, mas existem muitas coisas nas nossas vidas que precisam de ser terminadas e guardadas. Podem ser relações, atitudes, formas de olhar para algo. E é sempre mais fácil permanecer no doloroso conforto da segurança e não mandar embora aquilo que já está velho e que já devia de ter seguido o seu rumo para dar lugar ao novo. Então, como deixar de fazer pequenos movimentos que não nos fazem bem, para irmos pouco a pouco?
Encerrar sessão? O processo pessoal de desenvolvimento não tem um fim à vista, é um caminho que se vai trilhando, dia após dia.
Nesta altura também é preciso alterar a palavra passe. Quem tem acesso a nós? E quanto de nós deixamos para o outro ver? Às vezes é necessário perceber se as nossas muralhas estão demasiado elevadas ou se não estamos a respeitar o nosso espaço, os nossos limites.
É também uma altura de pensar no trabalho, temos de clicar no gestor de tarefas. Como estamos na área do “fazer”? Por vezes assumimos mais responsabilidades do que aquelas que podemos suster, e se for demais, é importante ouvir o que o corpo tem para dizer. Têm ouvido as queixas dele? E quando fazemos menos do que aquilo que devemos também podemos trazer grandes complicações. Como em tudo, é preciso encontrar um equilíbrio. E esse equilíbrio não é igual todos os dias e também não é o mesmo para todas as pessoas. Somos únicos, diferentes, e também, diferentes dentro de nós a cada dia que passa.
Cancelar? Sim, podem sempre cancelar a reflexão do final do ano, afinal, é tudo muito simbólico, não é? Por isso, seja quando for, onde for, Bom Ano Novo dentro de vocês!

Texto de Ana Caeiro, Psicoterapeuta Corporal em Biossíntese
http://psicoterapiacorporal.pt/
psicorporal.bio@gmail.com

Foto retirada de Unsplash